Vale a pena rezar a Deus?

Tempo de leitura: 4 minutos

Artigo tipo: Rant

Tenho vergonha em ter que escrever este artigo em pleno século XXI. Nem sei como começar sem ofender logo os supostos crentes, por isso é assim que vou começar, continuar e acabar.

A quantidade de comentários que tenho visto online a falar sobre deus, desde “Deus nos ajude” e “onde estás deus?” “precisamos de ti”, até o presidente da Câmara de Ovar

Será que alguém acredita mesmo em Deus?

A grande maioria dos crentes tanto da igreja católica romana como de outras grandes religiões mundiais não são crentes voluntariamente ou porque foram iluminados pela sabedoria divina, mas sim por ocasião, tiveram a sorte (leia-se azar) de nascer numa família na qual a s crenças vão sendo passadas entre gerações.

Será que por ir algumas vezes à igreja realmente acredita? Ou será que diz que sim para agradar aos outros, por obrigação, ou para obter vantagens?
é que eu também posso ler o record aos domingos e não é por isso que vou aprender a jogar á bola.

Entretanto tal como em muitas questões da nossa vida aprendemos a ser egoístas e possessivos, e começamos a dizer que se não fazem parte do mesmo clube, país ou religião algo está de errado com os outros.

Como por exemplo, no lixo que é o observador :

Quem escreveu a história da carochinha que virou bíblia?

Na própria bíblia e noutros textos sagrados é dito que somos seres imperfeitos, entretanto quem é que escreveu a bíblia? Não foi Deus, nem Jesus e muito menos o Espírito Santo. Caso não soubesse foi um imperador romano que decidiu o que seria escrito na bíblia de forma  a ser mais fácil controlar as pessoas. 

 Todas as certezas cristãs foram decididas por humanos, humanos estes com interesses, não há uma única palavra cristã que não tenha passado pela ganância e cobiça de homens (sim porque na igreja somo iguais mas as mulheres são um pouco menos).

A religião segue uma história criada por pessoas nem sempre muito inteligentes, poucas vezes preocupadas com o bem comum, mas muito espertas para influenciar a vida de pessoas humildes e honestas, aqui tem muitas semelhanças com o Vandré Entura e o Chega.

Porquê rezar?

Se Deus existe e é todo poderoso e sabe tudo, não achas que ele já sabe que está aí o vírus?

Se Deus existe e sabe que o vírus é mau, e há pessoas a morrer, achas que ele precisa que tu te ponhas de joelho agarrado a um pau ou a uma corda e digas as mesmas palavras que já disseste milhares de vezes para ele agir?

Se esse deus existisse mesmo e fosse omnipresente, seguramente ele sabe deste vírus, da sua propagação, do sofrimento, das mortes, e se ele existisse e fosse todo poderoso, seguramente já tem a cura, e é uma besta sádica, que provavelmente está a comer pipocas e ver netflix.

Quem és tu para estar aí a rezar e dizer para ele usar a cura agora? Ele é que decide! PÁRA de choramingar! Levanta os joelhos do chão, que vais ter artrites e sobrecarregar o SNS, vais lutar para melhorar a tua vida e daqueles à tua volta.

Se deus julga tudo, quem é que julga a merda que a igreja faz?

Se deus está a trabalhar porque que é que não se importa quando os padres dão um saltinho fora das regras? Porquê deixar passar impune crimes?

Porque é que se os Papas são os representante oficiais do Santíssimo na Terra permitiram que houvesse genocídios como as Cruzadas, as guerras entre estados europeus, a brutalidade da escravidão ou genocídios como a inquisição??

Porquê é que a maior instituição de pedófilos do mundo continua forte? É o poder de Deus ou o poder do dinheiro?

Porquê que essa mesma instituição que matou milhões de pessoas, destruiu conhecimento que iria melhorar a vida das pessoas, alterou a suposta palavra sagrada conforme lhe dava mais jeito ainda assim lhe é permitida caminhar nas nossas ruas como se fossem superiores?

Se a palavra de Deus é só uma porque é que continua a ser permitido a criação de milhares de seitas em seu nome cujo único objectivo é tirar partido das pessoas mais fracas?

Se Ele se importa connosco porque é que permite que continuemos a destruir o planeta? Nós decidimos que havíamos de destruir florestas, extinguir animais, multiplicar-nos para além da capacidade. E até agora o santo papa está OK com isso desde que continue a cair dinheiro nos cofres. 

Ah e tal tens que respeitar as crenças dos outros !

Não tenho não, quando os outros acreditam em merdas sem sentido que desrespeitam a humanidade, não tenho de respeitar isso, opiniões que mostrem desrespeito não podem ser respeitadas.

Ou vais-me dizer que tenho de respeitar as crenças do hitler? Que tenho que respeitar as crenças do ventura? 

Tenho de respeitar a igreja? O Salazar respeitava a igreja.

Eu não tenho respeito nenhum pela igreja.

Temos que respeitar as crenças dos outros (políticas, religiosas, etc..) apenas se essas crenças respeitam os outros, sem prejuízo.

A partir do ponto em que isso não acontece temos de ser capazes de lutar contra as tradições e pôr o dedo na ferida dizendo o que está mal.

Links

Certain passages in the Old Testament sanctioned forms of slavery.[1] The New Testament taught slaves to obey their masters,[2] but this was not an endorsement of slavery, but an appeal to Christian slaves to honor their masters and accept their suffering for Christ’s sake,[3] in imitation of him.[4] In proclaiming baptism for all, the Church recognized that all men were fundamentally equal.[5]

Escravidão católica – Wikipedia

Casos de corrupção:
A máfia que é a Igreja Universal

Ah e tal não pá, ah e tal não!

0 Comments

Partilha

O debate parlamentar e porque não gosto de circo

Artigo tipo: Rant

imagem do banksy

Tempo de leitura: 4 minutos

estamos nas redes anti-sociais

Nas "redes-sociais" partilhamos artigos de outras redações, opiniões a quente, alguns mémés, e mastigamos trolls ao pequeno-almoço.

cada vez mais ativxs

junta-te á conversa no discord, por texto ou por voz. partilha as tuas ideia, e preocupações e vamos descobrir formas de colaborar. clica na imagem em baixo e começa a viagem.